Publicidade:

segunda-feira, 6 de agosto de 2018

Maurílio Viana conquista importante apoio político em Londrina


Em busca de uma vaga a deputado federal pelo Progressistas (PP), o pré-candidato Maurílio Viana, tem percorrido todo o Paraná, consolidando lideranças em torno do seu nome para as próximas eleições, no dia 7 de outubro. Na última semana, em encontro realizado na casa do empresário gráfico Washington Luiz Souza Santos, juntamente com o vereador londrinense Estevão da zona sul, Maurílio debateu com os aliados questões como a organização das eleições deste ano, discussão de políticas públicas que podem ajudar a melhorar o país e o Paraná. 

“Estamos tendo encontros muito positivos, onde além de formar alianças para nos ajudar nesta caminhada, conseguimos ouvir as reivindicações de diferentes camadas da sociedade com relação a expectativa por representatividade em nível federal. Isso é muito importante para o nosso projeto político, pois precisamos atender os anseios da população que hoje está desanimada com a classe política. Por isso nos colocamos como um nome novo e atento as demandas da sociedade paranaense”, afirmou Murílio Viana.

O pré-candidato ainda destacou a simplicidade que tem buscado trazer para a corrida a deputado federal, o que avalia como de fundamental importância nesta renovação tão almejada pela população. “As pessoas querem uma campanha simples, pé no chão, quer um representante que olhe no olho do cidadão. Nós, como viemos da roça, trabalhador como tantos brasileiros temos a sensibilidade de perceber que a população quer alguém que verdadeiramente possa falar em seu nome, com conhecimento da luta, por ter participado dela”, explicou.

Maurílio Viana agradeceu a recepção e apoio do companheiro Washington, que juntamente com sua esposa Marlene, em muito vão agregar a campanha.

“Fomos muito bem recebidos na casa do Washington, com um bolinho caseiro que a Marlene preparou com muito carinho para nós. Esta é cara da nossa pré-candidatura, um espaço aberto ao diálogo com propostas realistas e de interesse direto da população”, encerrou.