Publicidade:

segunda-feira, 26 de junho de 2017

Campina da Lagoa: Após denúncia do MPPR, Justiça condena a 12 anos de prisão homem acusado de estupro

O Juízo da Vara Criminal de Campina da Lagoa, no Centro-Ocidental paranaense, condenou a 12 anos, cinco meses e 21 dias de prisão, em regime fechado, um homem acusado de estupro de vulnerável – uma criança de 12 anos. A mãe da menina, também denunciada na ação por ter consentido com os atos praticados, foi condenada a oito anos de prisão em regime semiaberto.

De acordo com a denúncia do Ministério Público do Paraná, apresentada pela Promotoria de Justiça de Campina da Lagoa, a menina teria ido morar com o acusado, então com 19 anos de idade, com o consentimento e apoio da mãe que, além de ter conhecimento de que sua filha de 12 anos mantinha relações sexuais com o rapaz, fornecia à menina medicamento contraceptivo. Os fatos ocorreram em janeiro de 2017.