Publicidade:

terça-feira, 16 de julho de 2019

Palmital: Após 11 anos, TJ absolve Zolandek em ação de improbidade e fraude em licitação


Após 11 anos de acusação por fraude em licitação e improbidade administrativa, o ex-prefeito de Palmital, Darci José Zolandek foi declarado inocente. A absolvição foi nesta terça (16) pelo Tribunal de Justiça do Paraná. De acordo com a ação, em meados de 2008 o Ministério Público propôs ação civil pública contra o então prefeito. Conforme o MP ele teria favorecido empresa do ramo de materiais de construção. A suspeição era de fraude em licitação. Por esse entendimento além de bloqueio de bens, o MP pedia a devolução de R$ 87 mil, referente ao material que havia sido adquirido pelo município.

A informação pautou matérias jornalísticas e televisivas imputando ao ex-prefeito a prática de crimes contra a administração pública.

Entretanto, passados 11 anos, a 5ª Câmara Cível do TJ decidiu, por unanimidade de votos, julgar improcedente a ação civil pública. Assim, reconheceu que Darci José Zolandek não praticou nenhum ilícito. Além de ter reconhecido que não houve qualquer prejuízo aos cofres municipais.

DEFESA 

A defesa do ex-prefeito foi feita por seu filho, o advogado Luís Paulo Zolandek. Para quem essa vitória tem um gosto especial. “Exatamente por ter atuado na defesa do meu pai, do nome da nossa família e, por tudo o que ele me ensinou, entregar-lhe esse resultado é como que fazer valer o diploma de advogado que ele me proporcionou. É um momento de muita emoção”. 

Porém, essa não foi a primeira vez que Darci é inocentado de acusações. Recentemente, em março de 2019 o Tribunal de Justiça já havia absolvido Darci de uma segunda acusação, por unanimidade de votos.