Publicidade:

quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

Iretama: Vereador "Dema" responde as ironias com trabalho...

“Eta espinheira danada que pobre atravessa pra sobreviver”...


O trecho da musica interpretada pelos “leões “ da musica sertaneja "Duduca e Dalvan", ilustram muito bem o que vem passando o vereador Ademar Nascimento, o "Dema", que pela primeira vez ocupa uma cadeira no legislativo em Iretama.

Nascido em um berço pobre na cidade de Peabiru,  o vereador ganhou esse apelido na infância, sendo uma abreviação do seu nome.

"Dema" teve poucas oportunidades de estudo, quando adolescente se dedicava ao árduo trabalho na lavoura, mais tarde se aventurou na mecânica e funilaria de automotores como aprendiz, foi então que abriu seu próprio negócio e lá se foram mais de 35 anos de trabalho.

A paixão pela política veio da infância, sempre militando em prol da justiça social, "Dema" se tornou uma figura emblemática. Negro e pobre, como o mesmo diz ser, é a segunda vez que se arrisca na carreira política, sendo que em 2016  atingiu o grande feito com 221 votos .

Recentemente o vereador foi insultado, tendo sua capacidade cognitiva posta à prova. Sem perder a nobreza, "Dema" atendeu o pedido de quem o provocou. Foi a campo e averiguou pessoalmente as irregularidades a ele ironicamente denunciadas.

“É meu dever legislar por todos, indiferente de quem seja. Fui eleito para isso. Estarei aí  para ouvir o povo  e dele ser o porta voz na câmara de vereadores.  O povo será bem representado, tenham certeza disso”, destacou o vereador, sem perder o bom humor e a humildade que o caracteriza.