Publicidade:

domingo, 29 de janeiro de 2017

Iretama: Executivo MENTE para tentar aprovar projeto! Será que os vereadores realmente concordam com isso?


É de ficar de cabelo em pé, ao ler determinadas coisas na internet. O Executivo Municipal de Iretama, na ânsia de tentar justificar o injustificável, mente absurdamente e com a cara limpa.

Vejamos...

Em uma página na internet, o Executivo Municipal de Iretama tenta esclarecer o polêmico projeto de número 01/2017, alegando que o referido projeto que está para ser aprovado na Câmara de Vereadores é um elemento obrigatório perante o Tribunal de Contas para que haja liberação de certidões e caso não seja aprovado em tempo hábil, a prefeitura perde o direito à certidão, não podendo o prefeito nomear seus secretários e cargos comissionados. MENTIRA!

Isso é uma tremenda desculpa esfarrapada. É chamar o povo de burro e desinformado e pior, o Executivo alega que se o projeto for reprovado, só voltará para a Câmara no ano seguinte e isto comprometerá e muito as finanças.

Como assim comprometer as finanças? Se reprovado, os "super cargos" não serão contratados e isso vai, ao contrário da "desculpinha" publicada, melhorar as finanças, pois não haverá gastos com esses cargos comissionados. O Município vai ter muito a ganhar com isso.

Já passou da hora de parar de pensar em cargos e outros benefícios próprios e começar a trabalhar em prol dos munícipes. Há tanta coisa a ser feita com urgência.

É de se estranhar a pressa em aprovar esse projeto. Será que tem alguns pretendentes à esses "super cargos" que precisam estar na folha de pagamento do mês de janeiro?

Ainda sobre a certidão: 
Agora olha só que incoerência neste assunto polêmico. Mesmo sem a aprovação do projeto 01/2017, houve algumas postagens nas redes sociais, informando que o Município de Iretama já havia conseguido sua certidão negativa. Vai entender...